Segunda-feira, 23 de Janeiro de 2006

Poema Colectivo

povo6.jpg


(Imagem recolhida na Internet)


Olá Meus Amigos, cá venho eu com mais um desafio:


Trata-se (e como em cada Português reside um Poeta) de fazer um poema COLECTIVO a que cada um junta oito estrofes sempre com uma frase inicial que é esta:


“EU GOSTAVA QUE O POVO PORTUGUÊS”


 



Os Primeiros Passos já estão dados, continua por favor. 


Vamos a Isto?


Então vamos:


 


EU GOSTAVA QUE O POVO PORTUGUÊS


 


“Eu gostava que o Povo Português


Se encontrasse num objectivo:


Manter-se Feliz, Respeitador e Activo


Ano a ano, dia a dia  e mês a mês


 


Que apesar de ter em si diferenças


De credo,  cor, norte e sul


Trabalhasse sob este céu azul


Respeitando as diversas crenças”


 


“Eu gostava que o povo português


se vestisse de roupas coloridas


Entre palavras sem cor,


Esperadas, inesperadas


Como a poesia e o amor...


 


Desejo que este povo dê as mãos união


que lute por seus direitos


sem criar confusão”


 


“Eu gostava que o Povo Português


Deixasse de tanto se lamentar


Largasse os preconceitos de vez


Só assim se é feliz, a amar!


 


Que incentivasse todo o carinho


Que não se contenha em intensidade


E que assim descubra o melhor caminho


Para viver em plena felicidade!”


 


"Eu gostava que o Povo Português


Fosse um povo sem igual


As pessoas se respeitassem mais


Para assim melhorar Portugal


 


A Todas as pessoas que sofrem


Já nem Deus lhes pode valer


Tantos governos passaram e nada fizeram


Que até a fé deles está a morrer.”


 


“Eu gostava que o Povo Português


Das Ilhas de Sul a Norte


Sem perguntas sem porquês


Agora tivesse mais sorte


 


Com este novo Presidente


Sendo sério...se lembre do Povo


Vamos acreditar firmemente


Que Portugal “nasça” de novo”


 


Participações de Paulo, Ana Luar, Amanda, Fofinha e Tuxa a quem muito agradeço e lembro que podem participar quantas vezes acharem por bem, Muito Obrigado.


Quanto a ti, coloca aqui a tua Esperança para este Povo Português. Conto Contigo muito em especialJ


 

publicado por Paulo César às 23:33
link do post | Ora diz Lá de tua Justiça | favorito
|
14 comentários:
De Cobarde a 24 de Janeiro de 2006 às 22:06
Vim do blog da tuxa até aqui e só posso dizer que fico feliz por ter vindo. Não me juntei a vós neste poema colectivo mas junto as minhas esperanças ás vossas e ver aqui uma foto de um grupo coral alentejano...é demais. Gostei muito. Boa semana para todos. bjksbitu
(http://alemtejo2.blog.pt)
(mailto:bitu_52@sapo.pt)
De Cobarde a 24 de Janeiro de 2006 às 16:29
Olá amigo. Depois do conto colectivo - obrigado pelo envio - avanças com poesia. Boa forma de congregares amigos e conhecidos, pois na participação obtem-se mais que aquilo que se dá. Aqui vai a minha contribuição, um tanto pessimista a rasar o saudosismo, mas se tiver oportunidade voltarei com algo diferente. "Eu gostava que o povo português/Pudesse ter casa e alimento no dia a dia/Que apesar da sua pequenês/Fosse tratado como merecia.
Este povo que é Luso de nome/Já não sabe o que pensar/Se for trabalhador, passa fome/ Se for político, pode esbanjar". Um abraço.
eduardo
(http://fatimacidade.blogs.sapo.pt)
(mailto:josedusantos@sapo.pt)
De Cobarde a 24 de Janeiro de 2006 às 16:24
Olá:))
Eu gostava que o povo português
fosse alegre, amigo,e destemido
cultivasse pingos de esperança
e gritasse estamos unidos
.

Eu gostava que os portugueses
tivessem estrelas cintilando
com elas enfeitassem, amor e justiça
abrindo janelas,ao vôo da Liberdade.
Isa
(http://singular.blogs.sapo.pt)
(mailto:singularidade@sapo.pt)
De Cobarde a 24 de Janeiro de 2006 às 13:56
Puxa isto é que foi um comentaaaa´´´... rio da "doceolhar hehe!! ;-)PDivulg
(http://www.lacosazuis.blogs.sapo.pt)
(mailto:pdivulg@sapo.pt)
De Cobarde a 24 de Janeiro de 2006 às 13:25
Poeta sei que estás numa de pausa ;) mas...conta lá com a participação que os neurónios estão em fogo;) e esta gente aqui nestas beandas é pior do que eu lol...Cá vai " eu gostava que o povo português...olha-se para a glória passada...colocasse de lado a mesquinhez....numa esperança renovada." Mais uma :P ..." Eu gostava que o povo português...nesta esperança renovada...senti-se de uma só vez a sua alma lavada...." Última " Eu gostava que o povo português...com a alma lavada....se levantasse num só voz...."Ó pátria por mim tão amada..." (só tu, eu não levo jeito nenhum para estas coisas mas um pedido oteudoceolhar
(http://oteudoceolhar.blogs.sapo.pt)
(mailto:joanstar@sapo.pt)
De Cobarde a 24 de Janeiro de 2006 às 13:25
Poeta sei que estás numa de pausa ;) mas...conta lá com a participação que os neurónios estão em fogo;) e esta gente aqui nestas beandas é pior do que eu lol...Cá vai " eu gostava que o povo português...olha-se para a glória passada...colocasse de lado a mesquinhez....numa esperança renovada." Mais uma :P ..." Eu gostava que o povo português...nesta esperança renovada...senti-se de uma só vez a sua alma lavada...." Última " Eu gostava que o povo português...com a alma lavada....se levantasse num só voz...."Ó pátria por mim tão amada..." (só tu, eu não levo jeito nenhum para estas coisas mas um pedido oteudoceolhar
(http://oteudoceolhar.blogs.sapo.pt)
(mailto:joanstar@sapo.pt)
De Cobarde a 24 de Janeiro de 2006 às 13:25
Poeta sei que estás numa de pausa ;) mas...conta lá com a participação que os neurónios estão em fogo;) e esta gente aqui nestas beandas é pior do que eu lol...Cá vai " eu gostava que o povo português...olha-se para a glória passada...colocasse de lado a mesquinhez....numa esperança renovada." Mais uma :P ..." Eu gostava que o povo português...nesta esperança renovada...senti-se de uma só vez a sua alma lavada...." Última " Eu gostava que o povo português...com a alma lavada....se levantasse num só voz...."Ó pátria por mim tão amada..." (só tu, eu não levo jeito nenhum para estas coisas mas um pedido oteudoceolhar
(http://oteudoceolhar.blogs.sapo.pt)
(mailto:joanstar@sapo.pt)
De Cobarde a 24 de Janeiro de 2006 às 13:25
Poeta sei que estás numa de pausa ;) mas...conta lá com a participação que os neurónios estão em fogo;) e esta gente aqui nestas beandas é pior do que eu lol...Cá vai " eu gostava que o povo português...olha-se para a glória passada...colocasse de lado a mesquinhez....numa esperança renovada." Mais uma :P ..." Eu gostava que o povo português...nesta esperança renovada...senti-se de uma só vez a sua alma lavada...." Última " Eu gostava que o povo português...com a alma lavada....se levantasse num só voz...."Ó pátria por mim tão amada..." (só tu, eu não levo jeito nenhum para estas coisas mas um pedido oteudoceolhar
(http://oteudoceolhar.blogs.sapo.pt)
(mailto:joanstar@sapo.pt)
De Cobarde a 24 de Janeiro de 2006 às 13:25
Poeta sei que estás numa de pausa ;) mas...conta lá com a participação que os neurónios estão em fogo;) e esta gente aqui nestas beandas é pior do que eu lol...Cá vai " eu gostava que o povo português...olha-se para a glória passada...colocasse de lado a mesquinhez....numa esperança renovada." Mais uma :P ..." Eu gostava que o povo português...nesta esperança renovada...senti-se de uma só vez a sua alma lavada...." Última " Eu gostava que o povo português...com a alma lavada....se levantasse num só voz...."Ó pátria por mim tão amada..." (só tu, eu não levo jeito nenhum para estas coisas mas um pedido oteudoceolhar
(http://oteudoceolhar.blogs.sapo.pt)
(mailto:joanstar@sapo.pt)
De Cobarde a 24 de Janeiro de 2006 às 13:25
Poeta sei que estás numa de pausa ;) mas...conta lá com a participação que os neurónios estão em fogo;) e esta gente aqui nestas beandas é pior do que eu lol...Cá vai " eu gostava que o povo português...olha-se para a glória passada...colocasse de lado a mesquinhez....numa esperança renovada." Mais uma :P ..." Eu gostava que o povo português...nesta esperança renovada...senti-se de uma só vez a sua alma lavada...." Última " Eu gostava que o povo português...com a alma lavada....se levantasse num só voz...."Ó pátria por mim tão amada..." (só tu, eu não levo jeito nenhum para estas coisas mas um pedido oteudoceolhar
(http://oteudoceolhar.blogs.sapo.pt)
(mailto:joanstar@sapo.pt)

Ah sim? Pois escreve aqui

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. O GUARDA-CHUVA MÁGICO

. Noite II

. BOAS NOTÍCIAS

. Terra Soalheira - CONVITE...

. O MEU ADEUS A ARMANDO SEV...

. EM LISBOA SOU FELIZ!!!

. Aprendendo com a Vida

. Manhã de Outono

. Alegria

. OBRIGADO A QUEM?

.arquivos

. Maio 2010

. Outubro 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Setembro 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

.tags

. todas as tags

.Os Meus Queridos Amigos

blogs SAPO

.subscrever feeds