Segunda-feira, 30 de Janeiro de 2006

Blogstício de Inverno


BlogsticioInverno.jpg


(Imagem da Autoria de Fernando Bizarro)


Blogstício de Inverno


 


Também eu lá estive contigo


Meu(inha) Amigo(a) da Blogosfera


E em Março eu fico à espera


Que estejas de novo comigo


 


Correu bem a nossa festa


Bom convívio e bom vinho


Trocamos olhares de carinho


E do mesmo é feita esta


 


Vamos lá a juntar a nós


Mais Amigos e mais gente


E passar uma noite diferente


 


Pois se nos Blogs tens voz


Vem daí junta-te a nós


E verás que ficas contente.


 


O próximo encontro é o Blognócio de Primavera a 25 de Março


Fica atento(a)



 
publicado por Paulo César às 17:27
link do post | Ora diz Lá de tua Justiça | O que já disseram (9) | favorito
|
Domingo, 29 de Janeiro de 2006

Neva Em Lisboa!

nevaemlisboa.JPG


Póvo de Santa Iria 14H30 de 29 de Janeiro de 2006


 


Neva em Lisboa


 


Neva por toda a Lisboa


Alegrando o nosso coração


E a norte forte nevão


Cai leve e quase à toa


 


Brancos flocos levezinhos


Que voam à frente da ventania


E ah que tão bem me sabia


Ver os telhados branquinhos


 


É quase ambiente de festa


O que a neve assim empresta


E toda a gente comenta a sorrir


 


Cai branca ligeira e lesta


Fazendo a relva nos surgir


Com branco novo a florir.


 


Poema escrito a 29 de Janeiro de 2006


 

Quinta-feira, 26 de Janeiro de 2006

Poema Livre


passaro.jpg


(Imagem recolhida na Internet)


Poema Livre


 


O rio escorre


Banhando de água morna os teus pés


nus


E no amarelo das palhas


Estendes as pernas nuas


Feitas de languidez


Num branco perfeito.


Teu tronco enrolado


Entre o meu braço e o meu peito


É um aconchego refeito.


Arfamos hálitos cansados


E melancólicos


De quem acabou o prazer


E encontrou a paz.


No rio que escorre


Frente ao nosso olhar


Ali um pássaro saltita


Além um puto grita


E o estio


Dourando o azul do céu


Despede o dia


Para se pôr alaranjado


Num poente


Do nosso regresso


 


Memória


História


Que perdura


Em mim assim


Um rio


O céu


O Sol


Um pássaro


As palhas e um puto


Neste Verão


Em que és minha.


 


Poema escrito a 26 de Janeiro de 2006



 

Miguel Torga de Saias;-)


Aroma de Mulher


(Imagem que faz bem à saúde)


A Papoila


 


Rubra como a própria vontade


Das palavras rural lavradora


Está bem, está bem é doutora


Mas luta pela igualdade


 


É Miguel Torga de vestido


Quando pelos contos navega


Prega picas ah pois prega


Mas tem um sexto sentido


 


Prezo-te muito Maria Mulher


Adoro-te enquanto escritora


Já ouvi, ela é doutora


 


Mas é Amiga de quem quer


E é pau para toda a colher


Falo-vos duma vencedora!


 


Poema escrito para ti minha querida a 26 de Janeiro de 2006


Um Beijo ternoJ




 
publicado por Paulo César às 09:51
link do post | Ora diz Lá de tua Justiça | O que já disseram (7) | favorito
|
Quarta-feira, 25 de Janeiro de 2006

Mas que vontade de rir

cumplicidade.JPG


Mas que vontade de rir


 


Quando te estou em mim a sentir


Alegre e tão Feliz da vida


Assim junto minha querida


Mas que vontade de rir


 


Quando vejo o que passamos


E que juntos continuamos a ir


Mas que vontade de rir


Enquanto por aqui caminhamos


 


Quando a vida é Felicidade


E se anuncia um bom provir


Que espera por nós a sorrir


 


Pelas ruas abertas da cidade


Que se abrem a nós com bondade


Mas que vontade de rir!!


 


Poema que escrevo brindando à nossa cumplicidade


 a 25 de Janeiro de 2006


 

publicado por Paulo César às 21:22
link do post | Ora diz Lá de tua Justiça | O que já disseram (5) | favorito
|

O Teu Anjo!

[Error: Irreparable invalid markup ('<a ="_blank">') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

<P align=center><A href="http://aromademulher.blogs.sapo.pt/" ="_blank"><IMG alt="Aroma de Mulher" src="http://aromademulher.no.sapo.pt/onu%20selo.jpg" width=150 border=0></A></P>
<P align=center>(Imaginem onde recolhi esta Bela Imagem)</P>
<P class=MsoTitle style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt" align=center><SPAN lang=PT><FONT face="Times New Roman" size=5>O Teu Anjo</FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman"> <?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" /><o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman">Talvez porque te dispas demais<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman">E tornes transparentes os teus anseios<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman">Deixando ver teu sexo e teus seios<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman">Teus dias deixaram de ser tão iguais<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman"> <o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman">E sofres porque assim exposta e nua<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman">E todos te vêem e aos teus defeitos<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman">De um corpo e uma alma imperfeitos<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman">Mas imperfeição cada um com a sua<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman"> <o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman">Falta que te digam o quanto és bela<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman">E que apesar de nua és aquela<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman">A quem assenta o nome Senhora<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman"> <o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman">E por quem um Anjo celeste vela<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman">A todo o momento e toda a hora<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman">E nunca por nunca vai embora!<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt; TEXT-ALIGN: center" align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT"><FONT face="Times New Roman"> <o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P align=center><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 14pt; FONT-FAMILY: 'Times New Roman'; mso-bidi-font-size: 12.0pt; mso-ansi-language: PT; mso-fareast-font-family: 'Times New Roman'; mso-fareast-language: EN-US; mso-bidi-language: AR-SA">Poema escrito a 25 de Janeiro de 2006</SPAN></P>
<TABLE id=HB_Mail_Container height="100%" cellSpacing=0 cellPadding=0 width="100%" border=0 UNSELECTABLE="on">
<TBODY>
<TR height="100%" UNSELECTABLE="on" width="100%">
<TD id=HB_Focus_Element vAlign=top width="100%" background="" height=250 UNSELECTABLE="off"></TD></TR>
<TR UNSELECTABLE="on" hb_tag="1">
<TD style="FONT-SIZE: 1pt" height=1 UNSELECTABLE="on">
<DIV id=hotbar_promo></DIV></TD></TR></TBODY></TABLE>
<BLOCKQUOTE id=9909f0b2><BR> </BLOCKQUOTE>
publicado por Paulo César às 15:49
link do post | Ora diz Lá de tua Justiça | O que já disseram (6) | favorito
|

Obrigado:-)


foto2_bracos_abertos.jpg




 (Imagem recolhida na Internet)


Obrigado!


 


A minha amizade é uma espécie de Amor


Cujo limite é a tua própria Felicidade


Mas não deixa de ser Amor de verdade


E não é nenhum embuste não senhor


 


Sinto por ti carinho e muita estima


Porque me dás de ti toda a alegria


Que preenche todo o meu dia a dia


E que transformo à noite em doce rima


 


Minha doce Amiga muito Querida


És o calor, o riso e a própria vida


Neste canto já pra mim indispensável


 


E por ti também amizade é sentida


Amigo que também és o responsável


Por esta Felicidade inabalável!


 


Poema escrito para ti que fazes o Favor de ser meu(inha) Amigo(a)


Com toda a minha Estima e Gratidão, a 25 de Janeiro de 2006

publicado por Paulo César às 11:08
link do post | Ora diz Lá de tua Justiça | O que já disseram (8) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. O GUARDA-CHUVA MÁGICO

. Noite II

. BOAS NOTÍCIAS

. Terra Soalheira - CONVITE...

. O MEU ADEUS A ARMANDO SEV...

. EM LISBOA SOU FELIZ!!!

. Aprendendo com a Vida

. Manhã de Outono

. Alegria

. OBRIGADO A QUEM?

.arquivos

. Maio 2010

. Outubro 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Setembro 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

.tags

. todas as tags

.Os Meus Queridos Amigos

blogs SAPO

.subscrever feeds